I JORNADA DE FISIOTERAPIA EM ONCOLOGIA DA UNIFAE FOI UM SUCESSO

Com vagas esgotadas, a I Jornada Universitária de Fisioterapia em Oncologia da UNIFAE recebeu estudantes da Instituição, alunos de outras universidades, professores de diversas regiões e profissionais formados na área. O evento ocorreu na última sexta-feira (4), no auditório da UNIFAE.

 

Reunindo especialistas dos principais centros de pesquisa e tratamento do câncer no Brasil, além de docentes da UNIFAE, a jornada teve como objetivo apresentar aos estudantes e profissionais da área de Fisioterapia os recursos e abordagens terapêuticas que a especialidade oferece aos pacientes oncológicos.

 

“É um tema extremamente relevante. Os níveis de câncer aumentaram muito e isso preocupa os profissionais da Saúde. ”, afirma a Profa. Dra. Anita Nagib, coordenadora do curso de Fisioterapia, pró-reitora de Extensão e Assuntos Comunitários, e organizadora do evento. “O interesse foi enorme e isso nos surpreendeu, as vagas se esgotaram e muitas pessoas ligavam querendo saber mais informações. ”

 

A Profa. Dra. Laura Rezende, que também participou da organização do evento, enfatizou que a área não é muito explorada no Brasil, porém tem sido uma preocupação da UNIFAE: “Tivemos palestras dos fisioterapeutas de hospitais muito importantes, como Unicamp, Barretos, Albert Einstein e outros. Isso só enaltece a nossa Jornada. ”

 

Outro diferencial foi a participação de alunos na organização. Para Iahuani Viana, estudante do 10º semestre de Fisioterapia, a oportunidade foi muito proveitosa. “Tivemos acesso a informações importantes para o nosso futuro profissional. Estamos no último ano e vamos finalizar esta etapa conhecendo uma área que oferece muitas possibilidades de atuação num mercado carente de especialistas. ”

 

Entre os assuntos abordados, a reconstrução mamária foi apresentada como um fator fundamental para melhorar a autoestima e qualidade de vida da mulher. “A fisioterapia tem um papel muito importante nessas situações, evitando complicações e auxiliando a reabilitação das pacientes. ”, explicou Mariana Maia, fisioterapeuta do CAISM Unicamp (Centro de Atenção Integral à Saúde da Mulher) e sócia do CORE, empresa de saúde da mulher.

 

Disfunções ginecológicas pós-radioterapia também foram objeto de uma palestra da fisioterapeuta Marcela Silva, da UNICAMP, que afirmou que o tema agrega conhecimento e desperta a curiosidade dos alunos: “Temos o dever de trabalhar com a prevenção e também a reabilitação. É uma felicidade enorme ver os estudantes interessados e participantes. ”

 

A Dra. Ana Paula Oliveira Santos, sócia-proprietária da BioOnco, parceira da UNIFAE na organização do evento, também se surpreendeu com o sucesso da Jornada. “Muitos alunos ficaram na fila de espera e o auditório cheio. É nosso primeiro evento fora de São Paulo e superou tudo o que esperávamos. Atingir esse público é uma grande vitória, pois estamos em uma universidade plantando uma semente junto aos estudantes. Conseguimos perceber a força que tem a UNIFAE. ”

Fotos