.

 
 
 
 

.

Curso: Engenharia Civil

Modalidade: Curso Regular de Engenharia

Turno de Funcionamento: Diurno e Noturno

Número de vagas: 120 alunos (turmas A e B)

Número de entradas anuais: 120 alunos

Regime de matrícula: Seriado Semestral (aulas de segunda a sábado)

Duração do Curso: 10 semestres

Tempo máximo para integralização: 15 semestres

Processo de seleção: Vestibular

Ano de início de funcionamento: 1º semestre de 2014.

Autorização: CEPE 05/2013;

.

.

PERFIL PROFISSIONAL

O perfil do profissional a ser formado neste curso será o de um profissional com formação técnica e científica, capacitado a absorver novas tecnologias, projetar edificações (residenciais, comerciais e industriais), planejar, gerenciar e coordenar obras civis, bem como experimentos e serviços com espírito empreendedor, com ação investigativa e criativa que lhe capacite atuar em perícias e avaliações imobiliárias. Também lhe será assegurada uma formação humanística, que o capacite para atuação crítica e reflexiva no enfrentamento dos problemas e demandas da sociedade, ao considerar seus aspectos políticos, econômicos, sociais, ambientais, culturais e éticos.

.

.

OBJETIVOS DO CURSO

O Curso de Engenharia Civil objetiva a formação de profissionais que demonstrem, em núcleos gerencial e operacional das empresas ou de forma autônoma, habilidades para que ajam como um agente de mudanças, ao projetar, desenvolver, implementar e melhorar sistemas integrados que incluem pessoas, materiais, equipamentos e informações. Os profissionais de Engenharia Civil formados pelo UNFAE realizarão essas atividades com visão ética e equilibrada dos papéis social e de responsabilidade com o meio ambiente, suportada por uma sólida base conceitual, ao adotar uma postura crítica e criativa que resulte em novos modelos e sistemas, para atender às demandas e necessidades competitivas das organizações. Esse objetivo será baseado por meio do desenvolvimento das seguintes habilidades específicas:

.
1. Resolver problemas e explorar oportunidades: desenvolver um profissional com a capacidade de reconhecer e dominar os aspectos técnicos e sociais relevantes envolvidos no exercício profissional; interpretar e utilizar informações que resultem em formas mais eficientes, eficazes e inovadoras de utilização dos recursos tecnológicos, humanos e financeiros. O aluno deverá ser capaz de pensamento abstrato que sustente a compreensão e análise dos processos que perpassam suas atividades: projetos, produção, suprimentos, recursos humanos e análises econômico-financeiras.

.
2. Comunicação: o aluno deverá ser capaz de manter e difundir visão única e integrada dos sistemas de produção como uma coleção de processos, ao garantir um fluxo de informações entre todos os colaboradores, de modo a otimizar os resultados gerais dos projetos.

.
3. Social: o aluno deverá desenvolver, nos trabalhos em grupos, as habilidades sociais necessárias a se tornar um agente de mudanças: organização e limpeza, trabalho em grupo, trabalho sob pressão, negociação, resolução de conflitos, relacionamentos interpessoais, liderança, ética e responsabilidade social.

.
4. Auto desenvolvimento: formar um aluno capaz de utilizar tecnologias de informação e diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos que sustentem, de forma contínua e natural, suas habilidades de resolver problemas. Ademais, o aluno deverá ser capaz de iniciativas próprias de buscar, desenvolver e aplicar conhecimentos, de forma criativa e inovadora.

.


 

Composição das atividades do curso

TOTAL CURSO CHS CHT %
Disciplinas obrigatórias 210 4200 86,78
Projeto de Conclusão de Curso I e II 4 80 1,65
Supervisão de Estágio 2 40 0,83
Total Obrigatório   4320  
TCC   120 2,48
Estágio Curricular   200 4,13
Atividades Complementar   200 4,13
Total 216 4840 100,00

 

Núcleo de disciplinas básicas: 1440 horas equivalente a 33% da carga horária total:

Algoritmos e Programação, Algoritmos e Programação – Laboratório, Cálculo Diferencial e Integral I, Cálculo Diferencial e Integral II, Cálculo Diferencial e Integral III, Cidadania e Responsabilidade Social, Ciências dos Materiais, Comunicação e Expressão, Desenho Técnico Básico e Expressão Gráfica, Eletricidade Aplicada, Fenômeno dos Transportes I, Fenômeno dos Transportes II, Física Experimental A, Física Experimental B, Física I, Física II, Física III, Geometria Analítica e Álgebra Linear, Introdução à Engenharia e Metodologia Científica, Matemática Básica, Matemática: Probabilidade e Estatística, Mecânica dos Sólidos, Química Experimental, Química Tecnológica.

.

Núcleo de disciplinas profissionalizantes: 840 horas equivalente a 19% da carga horária total:

Engenharia da Qualidade, Ergonomia e Segurança no Trabalho, Gestão Ambiental na Engenharia, Gestão Econômica na Engenharia Civil, Hidráulica I, Hidráulica II, Materiais de Construção I, Materiais de Construção II, Métodos Numéricos, Práticas da Construção Civil I, Práticas da Construção Civil II, Saneamento Básico e Topografia.

.

Núcleo de conteúdos específicos: 2.040 horas equivalente a 48% da carga horária total

Arquitetura e urbanismo I, Arquitetura e urbanismo II, Avaliações e perícias, Construções de Edifícios, Concreto Protendido e Pontes, Construções de Edifícios, Desenho Técnico Assistido por Computador, Engenharia de Tráfego Urbano, Estabilidade das Construções I, Estabilidade das Construções II, Estabilidade das Construções III, Estruturas de concreto armado I, Estruturas de concreto armado II, Estruturas metálicas e Madeiras I, Estruturas metálicas e Madeiras II, Fundações, Gestão de projetos da Construção Civil, Instalações prediais I – Instalações Elétricas, Instalações prediais II – Instalações Hidráulicas, Mecânica dos solos, Planejamento e orçamento de obras, Planejamento Estratégico e Empreendedorismo, Planejamento Urbano e Incorporações de Edifícios, Portos e Aeroportos, Projeto de Conclusão de Curso I, Projeto de Conclusão de Curso II, Projeto Geométrico Viário, Resistência dos Materiais I, Resistência dos Materiais II, Supervisão de estágio, Tecnologia da Construção, Terraplenagem e Estradas. Nas figuras abaixo, temos a distribuição das disciplinas por núcleo e na área especifica.

Estágios Curriculares obrigatórios, sob supervisão direta da Instituição de Ensino, por meio de relatórios técnicos e acompanhamento individualizado, durante o período de realização da atividade, com carga horária de 200 horas que seguem regulamento de estágios aprovado pela Resolução CEPE Nº 15/2009

Atividades Complementares no total de 200 horas ou 40 horas/ano, a serem dedicadas a atividades extra classe, atividades complementares à formação, em que o aluno mostrará a sua capacidade de criação e de desenvolvimento de ideias, com orientação dos professores e, ainda, completar sua formação como cidadão, para entrar em contato com situações que explorem a responsabilidade social do engenheiro. Esta atividade é normatizada pelo Regulamento de Atividades Complementares integrante neste PPC e também pelas normas disponibilizadas no site do Centro Universitário.

 

 

 

Coordenador do Curso:

Rogério de Souza Carvalho, formado em engenharia civil no ano de 1998, pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Especialização em Gestão Ambiental e Gestão Empresarial, entre 2003 e 2006. Pela UNICAMP cursou disciplinas para mestrado em Saneamento e Meio Ambiente, 2004 / 2008.

Mestrando em Desenvolvimento Sustentável pela UNIFAE, 2015;

Atualmente é Conselheiro do CREA-SP 2014/2016. Delegado do CREA-SP nos Congressos Nacionais de Profissionais em 2010 e 2013. Na Federação das Associações do Estado de São Paulo (FAEASP), ocupa o cargo de primeiro secretário.

Presidente da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de São João da Boa Vista (AEA), mandato 2009 / 2014.

Participou como membro dos seguintes conselhos Municipais: Parcelamento de Solos, CONDEPHIC, COMDEMA, acessibilidade e foi presidente do Conselho Municipal de Urbanismo do município de São João da Boa Vista, (2011 / 2014).

Junto ao CREA-SP, já foi membro e coordenador de Grupo de Estudos sobre a Implantação do Livro de Ordem e também do Grupo de Estudos sobre o CREA Jovem.

Sócio proprietário na Parthecon Projetos e Construção desde 1998, atuando nas áreas de construções comerciais, industriais e residências, além de obras na área de saneamento e meio ambiente.

 

 

 

 
 
risco_separacao
 
 

VESTIBULAR UNIFAE 2018

 
 

– Vestibular UNIFAE 2018, prova dia 22 de outubro (exceto medicina).

Clique aqui fazer sua inscrição.

 
 
 

.

.

.

TV UNIFAE ENGENHARIA CIVIL

risco_separacao
 


 
 

CLIQUE AQUI E VEJA TODOS OS VÍDEOS >>>

 

NOTÍCIAS ENGENHARIA CIVIL

risco_separacao
 

  

CLIQUE AQUI E VEJA TODAS AS NOTÍCIAS >>>